Papa Francisco pede solidariedade no combate ao coronavírus

O Papa Francisco pediu, durante missa neste domingo (19), solidariedade no combate do mundo à pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. O pontífice deixou o Vaticano pela primeira vez em mais de um mês e, na Igreja do Espírito Santo em Sassia, em Roma, alertou para "indiferença egoísta" no combate à pandemia.

"Agora, enquanto ansiamos por uma recuperação lenta e árdua da pandemia, existe o perigo de esquecermos aqueles que foram deixados para trás", disse Francisco durante a missa, celebrada pelo Domingo da Divina Misericórdia.

O Papa não saía do Vaticano desde o dia 15 de março, quando percorreu uma Roma deserta para rezar em dois templos pelo fim da pandemia. Por causa das medidas de quarentena adotadas na Itália e no próprio Vaticano, todas as missas têm sido rezadas sem público.
Na semana passada, o pontífice havia alertado para o risco de violência contra as mulheres por causa do confinamento. Um relatório da ONU apontou que as mulheres são afetadas de maneira mais severa pela pandemia.
Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco