Ibi Terra Santa

Índice de Percepção da Corrupção mostra Brasil com 38 pontos, abaixo da média global

 


Índice de Percepção da Corrupção mostra Brasil com 38 pontos, abaixo da média global
Imagem: Reprodução/ politicos.org.br

O Índice de Percepção da Corrupção (IPC) da Transparência Internacional, principal indicador dessa irregularidade no mundo, aponta que o Brasil obteve uma nota de 38 pontos em 2020. É uma oscilação positiva se comparada ao resultado de 35 pontos em 2019, mas dentro da margem de erro de 4,1 para mais ou para menos. 

 

Ou seja, a percepção da corrupção no Brasil permanece estagnada em patamar abaixo da média do Brics (39), da média regional para América Latina e Caribe (41) e da média mundial (43). Em comparação com a média dos países do G20 (54) e da OCDE (64), esse índice fica ainda mais distante. No geral, o aumento fez o Brasil passar da 106ª posição para a 94ª num ranking composto por 180 países e territórios.

 

"O Brasil continua falhando em promover reformas que realmente ataquem as causas estruturais de seu quadro de corrupção sistêmica. Ao contrário, o país passa por um processo extremamente preocupante de desmanche de sua capacidade institucional para o enfrentamento da corrupção. Entre os aspectos mais graves deste desmonte está a perda de independência e aumento da ingerência política por parte do governo sobre órgãos fundamentais como a Procuradoria-Geral da República e a Polícia Federal", destaca Bruno Brandão, diretor executivo da Transparência Internacional Brasil.

 

O IPC é elaborado desde 1995, mas passou por alterações metodológicas em 2012, o que possibilitou a leitura dos dados em série histórica. A escala do índice vai de 0 a 100, sendo 0 a classificação para altamente corrupto e 100 para o muito íntegro. Notas abaixo de 50, como a do Brasil, indicam níveis graves de corrupção.

 

Para desenvolver o IPC, a Transparência Internacional conta com 13 pesquisas e avaliações de especialistas, produzidas por instituições reconhecidas internacionalmente. A Transparência seleciona e compila anualmente os resultados de perguntas dessas pesquisas, que dizem respeito à percepção da corrupção no setor público dos países em diferentes aspectos. No caso do Brasil, o resultado teve como fonte oito levantamentos.

Enviar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Fale Conosco

Ibi Terra Santa