Inquérito conclui que morte de empresária da BA foi por dívida

 


A Polícia Civil concluiu o inquérito da morte da empresária Givanete de Souza Nogueira, de 52 anos, em janeiro deste ano. As investigações confirmaram que o suspeito, que está preso, cometeu crime, porque não queria pagar uma dívida de R$ 15 mil que tinha com a vítima. Em coletiva à imprensa nesta segunda-feira (8), a polícia apresentou os resultados das investigações, que apontaram Everton Bruno dos Santos Miranda como o responsável pela morte da empresária.

Segundo a delegada responsável pelo caso, ele não confessou o crime, apesar disso, o inquérito foi concluído com indicação de homicídio triplamente qualificado. Ele também vai responder pelo crime de ocultação de cadáver.

"De início nós percebemos logo que ele estava mentindo e aí nós fomos pegando toda a monitoração de acordo com o carro dele, de acordo com a placa dele e vimos que o caminho que ele fez foi no sentido da estrada de Barra do Choça, onde depois nós descobrimos que ele também, entre a estrada de Barra do Choça e Conquista, ele tem um terreno e que provavelmente ele cometeu esse homicídio lá", contou a delegada titular da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam), Gabriela Garrido.

Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Publicar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco