CPI da Covid: Planalto orienta senadores a 'culparem' Mandetta por erros do governo

 


CPI da Covid: Planalto orienta senadores a 'culparem' Mandetta por erros do governo
Foto: Divulgação/Democratas

Com o início da fase de oitiva de testemunhas na CPI da Covid, nesta terça-feira (4), o Palácio do Planalto quer dar condições para que os senadores governistas da comissão apontem erros e contradições do ex-ministro Luiz Henrique Mandetta. O ex-ministro é uma das duas testemunhas desta terça. Além dele, também vai depor Nelson Teich (leia mais aqui).

 

De acordo com apuração do Estadão, os senadores receberam informações sobre Mandetta reunidas por aliados do presidente. Além disso, perguntas que serão feitas ao ex-ministro foram preparadas dentro do Planalto e enviadas aos aliados. O ministro das Comunicações, Fábio Faria, e o chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, estiveram pessoalmente envolvidos no municiamento dos governistas, segundo apurou o Estadão.

 

Um dos focos da estratégia do Planalto é sugerir que Mandetta foi responsável por inúmeras mortes ao recomendar que infectados só procurassem atendimento quando os sintomas se agravassem. Inicialmente essa foi a orientação do ministério e das secretarias estaduais da Saúde em uma tentativa de evitar o colapso no sistema de saúde.

 

Senadores governistas estão sendo orientados a tirar a fala do contexto e a chamar Mandetta de “genocida”, apurou o Estadão. A estratégia é tentar anular um “uso político” do espaço pelo ex-ministro da Saúde, pré-candidato à Presidência, em 2022.

Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco