PSDB escolheu o lado errado e quem perdeu foi o Brasil, diz Doria sobre Aécio


por Carolina Linhares e Thais Arbex | Folhapress
PSDB escolheu o lado errado e quem perdeu foi o Brasil, diz Doria sobre Aécio
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
O governador de São Paulo, João Doria, afirmou que o PSDB escolheu o lado errado ao rejeitar, nesta quarta-feira (21), dois pedidos de expulsão do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG). A decisão foi uma derrota para Doria, que defende a saída do mineiro e é considerado o principal líder tucano hoje. O governador paulista, que pretende ser candidato à Presidência em 2022, disse que "quem perdeu foi o Brasil".

“Lamento a decisão da maioria dos membros da executiva do PSDB que votou a favor da manutenção de Aécio na legenda. Respeito a votação, mas ela não reflete o sentimento da opinião pública brasileira", afirmou em nota. Ao todo, 35 tucanos participaram da reunião no diretório nacional do partido, em Brasília. Foram 30 votos a favor de Aécio, 4 contra e uma abstenção.

"Cada membro da executiva deve responder por sua posição. A minha é clara: Aécio neves deve se afastar do PSDB e fazer sua defesa fora do partido. O derrotado neste caso não foi quem defendeu o afastamento de Aécio. Quem perdeu foi o Brasil."? Doria já defendeu publicamente o afastamento de Aécio em diversas ocasiões, inclusive na terça (20), em Brasília, após reunião com a bancada na Câmara, que é majoritariamente favorável ao deputado.

O presidente estadual do PSDB de São Paulo, Marco Vinholi, que é alinhado a Doria, divulgou nota dizendo que a decisão contraria a orientação do estatuto do partido, que prevê que seus filiados mantenham conduta “ética, pessoal e profissional, compatível com as responsabilidades”.
Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Publicar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco