Denúncias de infrações éticas e conflitos de interesse disparam no governo Bolsonaro


Um relatório da Comissão de Ética da Presidência da República indica que o número de denúncias por infrações éticas e conflitos de interesse contra integrantes do Executivo dispararam no governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Percebe-se o incremento no número de processos em função do novo mandato e do perfil das autoridades que ingressaram nos cargos de alto escalão, uma vez que muitas foram convidadas a eventos custeados pela iniciativa privada”, diz o documento. Segundo o blog Painel, da Folha de S. Paulo, foram 803 casos em 2018 e 1.340 em 2019.

Apesar disso, o órgão aplicou apenas duas sanções ao atual governo. Elas foram para a ex-presidente do Iphan, Kátia Bogéa, por usar carro oficial supostamente sem amparo legal, e para o ministro da Educação, Abraham Weintraub, por comparar os ex-presidentes petistas Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff a entorpecentes. De acordo com a publicação, em 2018, a comissão aplicou seis punições.
Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Publicar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco