Avaliação negativa do governo Bolsonaro sobe 12 pontos e atinge 43%, diz CNT/MDA


A avaliação do governo Jair Bolsonaro atingiu seu maior índice, e bateu 43,4%, segundo pesquisa CNT/MDA divulgada hoje. 

De acordo com o UOL, o índice teve um salto de 12,4 pontos porcentuais ente janeiro e maio deste ano. A avaliação positiva oscilou negativamente de 34,5% para 32% nesse período.

Segundo o instituto de pesquisas MDA, cujo estudo foi contratado pela Confederação Nacional dos Transportes, foram feitas 2.002 entrevistas por telefone, entre 7 e 10 de maio, em 494 municípios de 25 Unidades da Federação. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

Avaliação do governo do presidente Bolsonaro em maio de 2020:

. Ótimo: 14,3% (eram 9,5% em janeiro de 2020)

. Bom: 17,7% (eram 25% em janeiro de 2020)

. Regular: 22,9% (eram 32,1% em janeiro de 2020)

. Ruim: 11,1% (eram 9,5% em janeiro de 2020)

. Péssimo: 32,3% (eram 21,5% em janeiro de 2020)

. Não sabe/não respondeu: 1,7% (eram 2,4% em janeiro de 2020) 

A avaliação positiva considera os índices de "ótimo" e "bom". Já a avaliação negativa, as somas de "ruim" e "péssimo".

A avaliação do governo Bolsonaro é diferente da avaliação pessoal de Jair Bolsonaro. Essa última analisa apenas o desempenho do presidente, e não do governo como um todo. Na pesquisa divulgada hoje, 55,4% dos entrevistados desaprovam o desempenho pessoal de Bolsonaro. Outros 39,2% aprovam. Em janeiro, a aprovação pessoal de Bolsonaro era de 47,8%. A desaprovação era de 47%.
Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco