Justiça de Camacan condena réus por morte de Luma Layne


A Justiça acaba por decidir pela condenação de Filipe de Jesus Santos, a 41 anos, 4 meses e 20 dias de reclusão e José Soares da Silva Junior, em 56 anos, 2 meses e 10 dias, informa o blog Paulo José. A decisão foi tomada pelo juiz Felipe Remonato, da Vara Crime da Comarca de Camacan. 

Eles são acusados de matar Luma Layne, namorada do empresário Pedro Farias (Gêmeos Negócios), com quem tinha uma filha. O crime ocorreu na noite de sexta-feira (6 de dezembro de 2019), em uma fazenda de propriedade da família, no local conhecido como Cachorro Assado, às margens da rodovia Pau Brasil-Camacan.
Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco