Negacionismo de Bolsonaro não pode imobilizar governo no combate à Covid, alertam assessores presidenciais

 


O negacionismo do presidente Jair Bolsonaro não pode imobilizar de vez o governo no combate à pandemia de Covid-19. O alerta é de assessores presidenciais, preocupados com a demora do Ministério da Saúde em anunciar um Plano Nacional de Imunização e uma estratégia definitiva em relação às vacinas. Sem falar nos esclarecimentos, ainda pendentes, sobre os testes de Covid-19 que correm o risco de perder a validade.


Segundo auxiliares do próprio presidente da República, a posição do chefe estaria "inibindo" a atuação do Ministério da Saúde, comandado pelo general da ativa Eduardo Pazuello, que tem preferido ficar em silêncio diante das últimas polêmicas criadas por Bolsonaro em relação ao combate ao coronavírus.


Assessores de Pazuello garantem que o Plano Nacional de Imunização está em fase final de elaboração e deve ser divulgado nas próximas semanas. Só que, alertam assessores presidenciais, o ministro da Saúde não vai a público fazer esses esclarecimentos, gerando dúvidas e suspeitas sobre como o governo está se preparando para fazer uma vacinação em massa da população.


Interlocutores de Pazuello destacam, por exemplo, a nova polêmica sobre o coronavírus, se o país está ou não enfrentando uma segunda onda. O presidente e o ministro da Economia, Paulo Guedes, têm rebatido as avaliações de especialistas de que a segunda onda já é uma realidade. O Ministério da Saúde, responsável pelo tema, porém, não se pronunciou até agora.


Esses interlocutores lembram que, mesmo que ainda não seja possível dizer que o Brasil enfrenta uma segunda onda, o ideal seria o ministro da Saúde estar promovendo reuniões com os secretários estaduais e municipais da área para traçar uma estratégia a fim de enfrentar esse cenário, se ele se concretizar.


Enquanto isso, o governo deve ser alvo de cobranças do Supremo Tribunal Federal (STF), Ministério Público e Tribunal de Contas da União (TCU) sobre suas ações no combate ao coronavírus. Só que o governo, lembram aliados de Bolsonaro, vai perdendo tempo por causa da insistência do presidente em negar a realidade.

Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Publicar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco