Prefeitura de Ibicaraí faz Audiência Pública para mostrar as metas fiscais do 3º quadrimestre de 2021

 



A Prefeitura de Ibicaraí, através da Secretaria Municipal de Finanças e a Controladoria do município, realizou na manhã desta terça-feira, dia 22 de fevereiro, no plenário da Câmara de Vereadores, uma Audiência Pública para apresentar a Avaliação das Metas Fiscais do terceiro quadrimestre de 2021. A iniciativa obedece a legislação, que exige a divulgação a cada quatro meses de como são gastos os recursos públicos do município.

A audiência teve início com o assessor técnico do gabinete, Hugo Lima, formando a mesa diretora, que foi composta pela prefeita Monalisa Tavares, o secretário municipal de Finanças Odemir Céo, a Controladora Interna Camila da Silva Costa e o técnico contábil da Econtap Assessoria Contábil, Paulo Ricardo Azevedo Melo da Silva. 

Na sequência Hugo passou a palavra para a prefeita Monalisa, que agradeceu a presença de todos e falou da importância dessas audiências públicas, onde a gestão presta contas dos recursos financeiros arrecadados no município e como a prefeitura está sendo gerida. Monalisa aproveitou para falar da ausência da comunidade, dos órgãos fiscalizadores e parte da imprensa, que tanto cobram e não aparecem na hora da prestação das contas. A prefeita lembrou que a gestão bateu as metas pedidas e que a equipe tem trabalhado muito para gerir da melhor forma possível as finanças da prefeitura. 

Em seguida a mesa foi desfeita e o técnico contábil Paulo Ricardo apresentou por quase uma hora os números relativos ao 3º quadrimestre de 2021. Paulo Ricardo iniciou falando dos números com relação ao índice de gasto de pessoal, e Ibicaraí passou um pouco, com 55,81%, nada fora da normalidade. 

Na Saúde o investimento surpreendeu e chegou aos 19,96, quase 5% acima da meta; na Educação o município investiu 25,65%, batendo a meta, e segundo Paulo, Ibicaraí foi um dos poucos municípios do interior baiano a respeitar e bater essa meta. Com relação ao Fundeb 70 o município aplicou um percentual de 75.74% com a remuneração dos profissionais do magistério.

De acordo com Paulo, o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) precisa ter maior crescimento e o resultado primário do primeiro ano de governo foi positivo. O técnico falou ainda da dívida fundada e disse que o município está no caminho certo para diminuir a dívida. Paulo falou ainda de execução da receita, receitas primárias, metas bimestrais de arrecadação, receita corrente líquida (RCL) e duodécimo, entre outros assuntos.

Estiveram presentes nessa audiência os secretários Odemir Céo (Finanças), Olivério Leal (Cultura), Marlene Nascif (Assistência Social), Joadson Evangelista (Governo), Miriam Andrade (Educação), Adriana Assis (Administração), Cristiane Arraes (Chefia de Gabinete), Suely Carvalho (diretora contábil da prefeitura de Ibicaraí), Arlyson Ramos (assessor especial) e alguns funcionários e poucos representantes da sociedade civil organizada.


Texto e fotos: Ascom Prefeitura de Ibicaraí

Data: 22.02.2022





Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco