Indicada a embaixadora americana no Brasil diz que eleições brasileiras serão justas por conta das instituições democráticas

 


Elizabeth Bagley, indicada pelo presidente Joe Biden para ser embaixadora dos Estados Unidos no Brasil, disse nesta quarta-feira (18) que acredita que as eleições brasileiras serão justas por conta das instituições democráticas do país.

"Eles têm instituições democráticas, têm um sistema eleitoral democrático, um judiciário e um legislativo independentes. Têm liberdade de expressão, assembleias. Eles têm todas as instituições democráticas que precisam para promover eleições livres e justas", disse a senadores dos EUA.

Nesta quarta, o comitê de Relações Internacionais do Senado americano sabatinou a diplomata ao lado de outros indicados para chefiar outras delegações internacionais. Durante a audiência, Bagley foi questionada sobre as eleições no Brasil e meio ambiente.

O senador Robert Menendez, presidente do comitê, perguntou à indicada a embaixadora em Brasília sobre os ataques do presidente Jair Bolsonaro ao sistema eleitoral brasileiro e o que ela poderia fazer para se certificar de que as eleições no Brasil correriam bem.

"Bolsonaro disse várias coisas, mas o Brasil é uma democracia", afirmou a diplomata.

"Eu atuo no Instituto Democrático Nacional por mais de 30 anos. Eu já monitorei muitas eleições e sei que não será um momento fácil por causa de muitos dos comentários dele, mas apesar desses comentários, esta realidade histórica das instituições. Eu acho que o que vamos continuar a fazer é mostrar a nossa confiança e a nossa expectativa de que eles vão ter uma eleição livre e justa" disse Bagley.

Meio Ambiente

A diplomata disse que a maior responsabilidade dela no Brasil, se for confirmada no cargo, vai ser trabalhar junto com o governo brasileiro para que o pais cumpra as metas de combate ao desmatamento da Amazônia.

Bagley disse que o governo Bolsonaro não está trabalhando par alcançar os compromissos de desmatamento anunciados pelo Brasil no ano passado, na conferencia do clima da ONU, em Glasgow.

Ela disse ainda que uma das prioridades dela no cargo vai ser encorajar esforços para proteger os defensores da floresta e processar os crimes ambientais e atos de violência relacionados a esses crimes.

Elizabeth Bagley já atuou como embaixadora dos EUA em Portugal e, atualmente, é dona e diretora de uma empresa de telefonia celular no estado norte-americano do Arizona.

Share on Google Plus

About Visão de Águia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Enviar um comentário

Fale Conosco

Fale Conosco