Ibi Terra Santa

Com disputas internas, Félix convoca Comissão Provisória para reunir parlamentares do PDT

 


por Mauricio Leiro

Com disputas internas, Félix convoca Comissão Provisória para reunir parlamentares do PDT
Foto: Reprodução / PDT

As movimentações no PDT devem ganhar um novo capítulo na próxima quinta-feira (17). O presidente estadual da legenda, deputado federal Félix Mendonça, irá convocar uma Comissão Provisória para debater com parlamentares questões de posicionamento do partido. O partido vem sofrendo com rachaduras internas após a saída da base de apoio ao governo Rui Costa (PT) (reveja aqui). 

 

Ao todo serão convocados os deputados estaduais, Samuel Júnior, Euclides Fernandes e Roberto Carlos - e o deputado federal Alex Santana, foco de desavenças por conta da indicação de manutenção na base do governo (veja mais). Além deles, a vice-prefeita de Salvador, Ana Paula Matos, atual vice-presidente estadual da legenda, e Marcelo Chaves, secretário do partido, foram convocados para a reunião. 

 

O impasse fica por conta da permanência de alguns deputados na base governista. A permanência se daria por conta de indicações no governo, e, os parlamentares, não estariam dispostos em abrir mão dos cargos. A reunião deve indicar os rumos partidários dos deputados presentes, desta vez, feita de forma remota para possibilitar a presença de todos os convocados.

 

Dentre as indicações do PDT ainda vigentes no governo estão a presidência da Junta Comercial da Bahia (Juceb), com Andrea Mendonça, irmã do presidente estadual da legenda, além do genro do deputado Roberto Carlos, Thales Dourado, diretor do Ibametro; do filho do deputado estadual Euclides Fernandes, Yann Fernandes, diretor de Desenvolvimento Empresarial do Ibametro; e da esposa do deputado Samuel Junior, Ariene Couto, diretora de Política e Economia Agrícola da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri).

 

A semente para a saída do deputado estadual Samuel Júnior e do deputado federal Alex Santana pode ter sido regada durante a participação em audiências com os ministros João Roma, da Cidadania, e Milton Ribeiro, da Educação (relembre aqui). Ao Bahia Notícias, Samuel não descartou a possibilidade de ingressar no Republicanos, legenda de Roma. 

Enviar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Fale Conosco

Ibi Terra Santa